VIABILIDADE ECONÔMICA DA PRODUÇÃO DE MOGNO-AFRICANO NA REGIÃO SUDESTE (KHAYA IVORENSIS)

  • Leonardo Augusto Giglio de Barros Faculdade de Tecnologia de Taquaritinga (FATEC) – SP – Brasil
  • Marcos Pandolfi Faculdade de Tecnologia de Taquaritinga (FATEC) – SP – Brasil
Palavras-chave: Madeira, Mogno, Viabilidade, Khaya ivorensis

Resumo

Este estudo teve a finalidade de mostrar aos agricultores que o mogno-africano é uma espécie que se adapta bem a diversas condições de clima e solo, oferecendo um alto retorno financeiro num período relativamente longo. Associado a outras culturas apresenta um alto índice de viabilidade econômica. Sua madeira por ser considerada nobre, agrega valor até na terra onde esta plantada, valorizando ainda mais a escolha desta espécie. Existem também programas que visam reduzir o desmatamento e ampliar a área de florestas cultivadas uma vez que o Brasil caminha para um “Apagão Florestal”.

Publicado
24/09/2017
Seção
Artigos